Imprudência causou queda de elevador com 14 pessoas em Maringá

Imprudência causou queda de elevador com 14 pessoas em Maringá

O tenente André Bueno, do 5º Grupamento de Bombeiros de Maringá, informou que a possível causa da queda do elevador da loja Havan, que fica dentro de um shopping na área central de Maringá, foi o excesso de peso.

O acidente ocorreu na tarde desta segunda-feira (21). "Houve sobrelotação de pessoas. Foram contadas 14, a princípio, e o limite do elevador eram 12 pessoas (ou 900 quilos). Então, houve um descarrilamento do segundo andar", informou.

Todas as vítimas foram atendidas e quatro pessoas encaminhadas para hospitais da cidade, sem gravidade, sendo três com suspeita de fraturas no tornozelo/calcanhar e uma vítima com suspeita de fratura no pulso. As vítimas são funcionários da unidade.

A ocorrência mobilizou quatro viaturas do Corpo de Bombeiros, que contou com apoio de uma ambulância do Samu e uma do grupo Salvar.

O que diz a Havan

A Havan comunicou que o acidente envolvendo os colaboradores da rede na filial foi ocasionado por imprudência. "Todas as segundas-feiras, os colaboradores se reúnem e os funcionários, para chegar ao local, utilizaram o equipamento sem respeitar a capacidade máxima do elevador, o que fez com que o contrapeso do equipamento fosse menor que o peso das pessoas no interior. A Havan aproveita para enfatizar que não houve ruptura de cabo do elevador. A manutenção do equipamento está em dia, e a empresa está prestando toda a assistência aos feridos", diz nota emitida à imprensa.

(O Diário) 

Deixe seu Comentário