Para Moro, Bolsonaro esclareceu caso de ex-assessor

Para Moro, Bolsonaro esclareceu caso de ex-assessor

O futuro ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro se manifestou sobre o relatório que apontou movimentação atípica de R$ 1,2 milhão em uma conta do ex-policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017. Moro sugeriu uma investigação sobre o caso, disse que Jair Bolsonaro já esclareceu a parte que lhe cabe no episódio, mas afirmou que não tem “esse papel” de comentar ou de interferir em casos específicos.

Deixe seu Comentário