Projeto que combate Aedes com plantio de orquídeas será ampliado

Projeto que combate Aedes com plantio de orquídeas será ampliado

A Secretaria Municipal de Saúde pretende ampliar o projeto de combate ao mosquito da dengue que utiliza orquídeas para ocupar ocos em troncos de árvores no perímetro urbano de Umuarama. Para tanto, o objetivo é envolver parceiros para conseguir mais mudas e envolver a comunidade no cuidado com as plantas.

O resultado é comprovado por números. Nos bairros onde as orquídeas foram plantadas, o índice de infestação do mosquito transmissor da doença caiu drasticamente.

Durante 29 dias de trabalho em campo foram cultivadas 1.590 mudas em 929 árvores, entre os meses de maio a dezembro do ano passado. Em 2018, em 21 dias trabalhados – entre fevereiro e agosto –, os agentes ambientais plantaram 2.113 mudas em 1.608 árvores onde haviam ocos com potencial para acumular água. Nesses locais haviam sido encontrados vários focos de reprodução do mosquito Aedes aegypti.

Para ampliar o alcance do projeto, o município conta com o envolvimento da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa) – por meio da Vigilância Ambiental –, das secretarias municipais de Educação, Agricultura e Meio Ambiente, Conselho Municipal de Saúde, Comitê de Assessoramento e Acompanhamento das Ações de Controle da Dengue, Tiro de Guerra 05.012, além da Secretaria de Saúde, que coordena o trabalho, e da Secretaria de Comunicação Social, engajada na divulgação das informações. A empresária Marisa Cardoso, do Orquidário Universo, também colabora com a doação de mudas e orientações técnicas.

Outra proposta é fazer o manejo em touceiras de orquídeas em árvores próximas aos bosques e iniciar o cultivo de mudas no viveiro municipal, após a capacitação dos servidores do setor.

“O manejo da touceira contribui para a sua própria saúde. Se a planta não tiver cuidados especializados, ela cresce demais e pode entrar em estado de dormência, deixando de produzir flores”, explicou o agente ambiental André de Almeida Cardoso.

O bemdito.

Deixe seu Comentário